maio 17, 2010

Eu poderia viver de arte...

A música vai tocar, vai sim.
Você vai ver, que a sinfonia nunca para
e a tuba do serafim continua com um gato dentro e a velhinha da praça ainda pede "vitrola"...
A Orquestra não é mais do Maestro e sim da Bailarina e do Marinheiro, mas a música vai tocar, vai ser hit parade, 'a melhor banda dos ultimos tempos na ultima semana'
É rock 'n'roll puro com um toque de bossa nova, 'a procura da batida perfeita com o samba de raiz onde eu me inspiro'...
A música nunca para, por mais que tenha um 'Sad old red', sempre teremos um 'voulez vous coucher avec moi?', e 'strangers in the night' 'singing in the rain', até porque pra cantar debaixo de chuva durante a noite, só sendo muito estranho mesmo!
Um dia 'eu vou virar indio' mesmo e não terei ideia do que serão 'segredos de liquificador'
Não vou pegar ninguém na escola e ninguém vai me dar água na boca
Porque a chuva chove sem parar, mas eu não vou fazer prece nenhuma
Ele até pode vir todo de branco, mas ta chovendo e a idéia não é boa.
'Quem me dera ser um peixe', pena que eu não ia querer mergulhar em um límpido aquário...
Mas de qualquer maneira, 'como pode um peixe vivo viver fora da água fria?'
'Não é fácil não pensar em você', mas não é fácil não pensar em um monte de coisas...
Eu não tomo guaraná, não gosto de suco de caju... mas a goiabada aceito com queijo minas para a sobremesa
Chocolate é sim gostoso de comer e gostoso de beber, meu predileto é o branco
Flores de plástico não morrem, mas também não perfumam
Se o essencial é invisivel aos olhos, os cegos não tem perdido muita coisa
E sem dúvida em alguns momentos era melhor ser surdo.
Não rasgue minhas cartas não, deu um trabalho danado escrevê-las.
E pelo amor de Deus, alguém avisa o cupido que eu realmente preciso que ele me deixe em paz!
Por mais que o beijo tenha feito splish splash, não houve tapa depois então ninguém me olhou com olhos de condenação!
No escurinho do cinema eu dispenso os drops de anis, não sou muito fã de balas
E não tem problema você não admitir que me adora e que me acha foda, mesmo porque eu acho essa rima horrivel!
E por mais que você seja ' the only exception', eu posso abrir uma excessão de você.
O tribunal pode entrar em recesso, e eu com certeza vou soprar as velas pedindo pra que você passe um dia sem mentir, pra ver se você consegue falar a verdade.
Eu poderia viver de arte, se a arte não vivesse as minhas custas.

tanto

tanto fez
que nada concluiu

tanto quis
que nada possuiu

tanto procurou
que nada encontrou

tanto buscou
que nada conseguiu

de tanto chegar
logo partiu

O amor vence todas as coisas

E a ignorância também.

Red

Deveria eu
de fantasia ser,
quando a realidade diz
que com nariz vermelho
eu deveria viver
?

maio 14, 2010

fatalidades não são fatais
são apenas fatos atuais
que quando não pensados
com certa antecedencia
acabam virando um peso
na consciencia

maio 03, 2010

Arco íris

o meu arco íris eu inventei
com todas as cores
que um dia te dei

e se antes era por você que eu escolhia
hoje vou um pouco além

o meu arco íris eu inventei
ele pode até não ser tão colorido
mas é meu, e de mais ninguém

e se antes era por você que eu vivia
hoje vou um pouco além

Porque nem de tão doce é o viver
e nem de tão amargo é o sofrer
não importa as cores que eu tinha
importa o arco íris que agora eu vou ter